ACONTECE IMOB

NOTÍCIAS

Voltar

Economia e Mercado

Fundos imobiliários podem complementar a aposentadoria

Por ser um investimento recomendado a longo prazo, os fundos imobiliários podem ser uma fonte de renda complementas à aposentadoria.

31/05/2013

Por ser um investimento recomendado a longo prazo, os fundos imobiliários podem ser uma fonte de renda complementas à aposentadoria. “É um investimento em renda variável, com alto risco, mas possibilidade de bom retorno, recomendado para o longo prazo”, foi o que afirmou o diretor de produtos do banco Itaú em evento realizado sobre o tema, realizado no último mês.

A lógica deste tipo de investimento é semelhante a das gerações passadas, quando a rentabilidade de aluguéis funcionava como renda extra ou para o próprio sustento. Instituídos no Brasil em 1993,os fundos são formados por investidores que compram cotas de imóveis com diferentes perfis (como escritórios, shoppings, lojas, hotéis, hospitais e faculdades), e recebem uma renda de aluguel em retorno.

Os fundos imobiliários ainda podem apresentar alto risco, mas estão amadurecendo e se firmando no mercado. É possível reduzir o risco, diversificando a carteira, por exemplo, ao invés de apostar em um único imóvel.

Neste ano, durante o mês de março, a indústria de fundos imobiliários atingiu valor de mercado de R$ 29,3 bilhões no Brasil, segundo dados da BMFBovespa e da CVM (Comissão de Valores Mobiliários). Entre 2009 e 2012, a modalidade decolou 549% em números de fundos.

Vale lembrar que os rendimentos deste tipo de investimento são isentos do Imposto de Renda. Caso o investidor decida vender sua cota no mercado secundário com ganho de capital, terá um imposto de 20% sobre o lucro.