ACONTECE IMOB

NOTÍCIAS

Voltar

CBIC Hoje

Nova poupança deve reduzir juro da casa própria

O governo espera para o médio prazo uma forte expansão do crédito imobiliário. Com as alterações nas regras da poupança, a tendência é que os juros para compra da casa própria caiam.

14/05/2012

O governo espera para o médio prazo uma forte expansão do crédito imobiliário. Com as alterações nas regras da poupança, a tendência é que os juros para compra da casa própria caiam. Assim, haverá mais interessados em contratar financiamentos. "Ainda não assistimos a um crescimento nesse segmento, e há muito espaço para isso", comenta um economista do governo.

O presidente da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), Paulo Safady Simão, acha que a queda dos juros para o segmento virá, mas levará tempo. Só quando os estoques da poupança "nova" ficarem próximos à "velha", que é de R$ 435 bilhões, é que o setor terá acesso a recursos mais baratos.

Um item fundamental para acelerar o corte nos juros, segundo Simão, é a portabilidade, ou seja, a possibilidade de um mutuário trocar um empréstimo caro por um mais barato. O governo estuda formas de facilitar a migração de empréstimos habitacionais, operação que hoje é muito burocrática e cara.

Fonte: Estadão