ACONTECE IMOB

NOTÍCIAS

Voltar

Eventos

Salão vai ofertar 3 mil imóveis

Com ofertas em quase todos os bairros da capital pernambucana e nos principais municípios do Grande Recife, o Salão Imobiliário de Pernambuco abre as portas amanhã no Centro de Convenções (Cecon), em Olinda.

14/03/2012

Com ofertas em quase todos os bairros da capital pernambucana e nos principais municípios do Grande Recife, o Salão Imobiliário de Pernambuco abre as portas amanhã no Centro de Convenções (Cecon), em Olinda. Os organizadores esperam receber na quinta edição do evento, que tem entrada gratuita, cerca de 15 mil visitantes nos cinco dias da feira, que vai até domingo. Este ano, 31 construtoras oferecem 3 mil imóveis em seus estandes no pavilhão do Cecon.

O salão terá cartórios e bancos para facilitar consultas e compras de potenciais clientes. Os visitantes preencherão um cadastro para acesso à feira. Para agilizar a entrada, os interessados já podem fazer uma pré-inscrição pelo site do evento (www.salaoimobiliariodepe.com.br). Basta informar CPF, nome, endereço e responder a um pequeno questionário sobre bairros e cidades preferenciais para a futura moradia e o tipo de imóvel procurado. No final do evento, a Associação das Empresas do Mercado Imobiliário de Pernambuco (Ademi), organizadora do salão, divulgará um estudo com as respostas compiladas.

Ano passado, os visitantes responderam que seus bairros preferenciais eram Piedade, Boa Viagem, Madalena e Torre. Já em relação ao perfil do apartamento, a maioria disse preferir imóveis de dois ou três quartos, com uma suíte, sem dependência de empregada e com vaga de estacionamento.

A compra imobiliária não requer necessariamente novidade. Requer oportunidade. E o salão é uma grande chance para as pessoas minimizarem custo e tempo. Lá, todos poderão visitar várias ofertas em um lugar só, avalia o coordenador do evento e presidente do Conselho da Ademi, Marcello Gomes.

O salão do ano passado fechou com 506 unidades vendidas, uma movimentação de R$ 123 milhões. Para esta edição, devido à comparação com o ano passado muito aquecido, a meta é um pouco inferior à de 2011.  Qualquer cifra que gire em torno dos R$ 100 milhões, já estamos satisfeitos , diz o coordenador.

Este ano, o governo do Estado, além de patrocinar a feira, terá também um estande para divulgar a Arena da Copa, em parceria com o Consórcio Arena Pernambuco, à frente do projeto. Gomes acredita que a Arena, somada a outros grandes empreendimentos, vai levar expansão e valorização à Zona Oeste do Recife.

Diante da concorrência, as empresas que participam do salão fazem mistério. Guardam a sete chaves as opções e os valores dos imóveis que serão colocados à venda.

O salão vai das 15h às 22h, até a sexta-feira, e das 10h às 22h no fim de semana.

Fonte: Jornal do Commercio PE/PE 13/03/2012.